Arquivo | novembro, 2012

Com gosto de Roma Antiga

15 nov

Foi um sucesso a oficina de culinária da Roma Antiga na Casa do Sardo, que aconteceu em meados de novembro, no salão do restaurante. Dezenas de participantes saíram encantados com a aula dada pelo historiador Ugo Di Capua e deliciados com a degustação preparada especialmente pelos chefs Paolo Di Bella e Silvio Podda. O cardápio incluía lentilhas, almôndegas e pão servido com garum – o tempero que cobria todos os pratos na época do Império Romano à base de anchovas. Para finalizar, havia tâmaras com nozes e mel, e vinho com mel e frutas: exatamente como apreciavam os romanos da Antiguidade. O desejo de repetir a dose foi comentado por participantes e organizadores. A oficina foi realizada com o apoio da UERJ.

Os chefs Paolo Di Bella e Silvio Podda, que prepararam o menu degustativo como faziam os antigos romanos, com o historiador Ugo Di Capua

O historiador Ugo Di Capua em palestra dada na Casa do Sardo sobre a gastronomia da Roma Antiga

A comida da Roma Antiga na Casa do Sardo

10 nov

O que e como comiam os antigos romanos?

A resposta (e, além dela, o seu sabor) será oferecida nos dias 12, 13 e 15 de novembro na Casa do Sardo, em uma oficina gastronômica que vai reproduzir as iguarias do Império Romano. O evento, que começa às 17 horas, conta com a participação do historiador Ugo Di Capua, vindo especialmente de Nápoles ao Rio de Janeiro para falar sobre o assunto. Os chefs incumbidos de colocar em prática as receitas romanas são Paolo Di Bella, da Sicília, e Silvio Podda, da Sardenha. Os costumes gastronômicos da época eram muito diferentes dos atuais. O garum, por exemplo, feito com as vísceras de peixes como atum e anchovas e deixado em salmoura e ao sol durante semanas, era o condimento básico que cobria todos os tipos de pratos, até mesmo os doces, explica o professor Ugo. “As principais indústrias de garum ficavam no Norte da África e na Espanha, de onde chegavam a Roma navios com grandes carregamentos do produto”, conta.
As inscrições devem ser feitas diretamente no site da Universidade.
A oficina arqueogastronômica complementa a programação da mostra de mosaicos Além de Pompeia – Descobrindo os encantos de Stabiaeem cartaz até 18 de novembro na UERJ.